Laboratório da fé

22 de agosto de 2020

Vigésimo Primeiro Domingo, Ano A

«Vós, quem dizeis que Eu sou?». Esta pergunta, no Vigésimo Primeiro Domingo (Ano A), contém um convite a renovar o encontro pessoal com Jesus Cristo: «Tu és o Messias, o Filho de Deus vivo».
21 de agosto de 2020

Confiar em Deus

«Vós, quem dizeis que Eu sou?». Não interessam as respostas dos livros. O que está em causa é uma resposta experiencial e vivencial, pela qual cada um expressa aquilo que provoca em si a maneira de pensar e de viver daquele Jesus de Nazaré, este nosso presente e vivo Jesus Cristo.
9 de junho de 2020

Plano diário de leitura

Um plano quotidiano de leitura da Bíblia, da parte do crente, permite sustentar a conexão, tecer uma história de amizade com Deus. A leitura bíblica quotidiana alarga o horizonte do crente para os outros ‘livros’ que sustentam qualquer relação de amizade com Deus: a natureza, a vida, a história, os acontecimentos, tudo o que diz respeito ao ser humano.
19 de maio de 2020

Escancarar o coração

A experiência do encontro pessoal com Jesus Cristo foi o primeiro grande desafio a todos os cristãos católicos, na homilia de início do pontificado (22 de outubro de 1978): «Não tenhais medo de acolher Cristo [...]. Não, não tenhais medo! Antes, procurai abrir, melhor, escancarar as portas a Cristo! [...] Não tenhais medo!».
9 de novembro de 2019

Renovar todas as coisas

O plano proposto pelo Laboratório da fé está dividido em seis passos, o ‘Caminho de Páscoa’: Participação ativa e criativa; Avaliação sobre a missão; Servir e acolher a todos; Conversão ao Evangelho; Oração e vida espiritual; Alargar os horizontes da missão. Esta formulação tem a particularidade de se iniciar com uma letra da palavra ‘PÁSCOA’.
5 de novembro de 2019

Ousar nascer de novo

O Laboratório da fé apresenta um plano para fazer da paróquia uma comunidade viva, ativa e alegre, cheia de entusiasmo por Jesus Cristo. Chamamos-lhe Renovação Inadiável.
26 de outubro de 2019

Rede de paróquias criativas

A criatividade ‘pastoral’ e ‘missionária’, que queremos implementar na vida pessoal e comunitária, inspira-se na ‘constante’ e ‘infinita’ criatividade divina: a que nos permite ver além dos nossos limites; a que nos dá a capacidade profética de rasgar novos horizontes; a que nos ensina a mostrar atual a Boa Nova de Jesus Cristo; a que nos desafia a reconfigurar os planos e as estruturas, as linguagens e os modelos de estar na Igreja e no mundo.
8 de outubro de 2019

Redescobrir o caminho da fé

O Laboratório da fé nasceu em outubro de dois mil e doze para concretizar os objetivos propostos naquele ano pastoral dedicado à ‘fé professada’, em sintonia com o Ano da Fé. O lema é retirado da Carta Apostólica de Bento XVI com a qual proclamou o Ano da Fé: «redescobrir o caminho da fé para fazer brilhar, com evidência sempre maior, a alegria e o renovado entusiasmo do encontro com Cristo».
instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share