Liturgia familiar

17 de outubro de 2020

Vigésimo Nono Domingo, Ano A

Interpretada à luz da fé, a nossa história pessoal e coletiva recebe o seu verdadeiro significado. O ser humano contém a imagem e a inscrição divina: pertencemos a Deus. Só Deus merece o nosso cântico de ação de graças e a dedicação da nossa vida.
10 de outubro de 2020

Vigésimo Oitavo Domingo, Ano A

A mesa da bondade está preparada para todos os que queiram participar na boda e partilhar a alegria: «a sala do banquete encheu-se de convidados». Há apenas um único requisito: para tomar parte entre os comensais, é necessário apresentar-se de forma digna, ou seja, estar revestido da alegria do Evangelho.
3 de outubro de 2020

Vigésimo Sétimo Domingo, Ano A

A vinha continua a ilustrar a maravilhosa história testemunhada em toda a Escritura. «Um cântico de amor» descreve a relação de Deus com o seu povo, como a de um dedicado vinhateiro com a sua vinha: «lavrou-a e limpou-a das pedras, plantou-a de cepas escolhidas».
26 de setembro de 2020

Vigésimo Sexto Domingo, Ano A

Há momentos em que dizemos ‘sim’ com os lábios, mas o coração fica preso ao ‘não’. Para Deus, a sinceridade do coração é mais decisiva do que as discordâncias, quando existe disponibilidade para seguir os seus caminhos.
19 de setembro de 2020

Vigésimo Quinto Domingo, Ano A

Deus toma a iniciativa de vir ao nosso encontro e a todos oferecer o seu amor. Ele quer-nos assim, à sua imagem e semelhança, sempre disponíveis para amar e perdoar. Por isso, continua «a contratar trabalhadores para a sua vinha: [...] Ide vós também para a minha vinha».
12 de setembro de 2020

Vigésimo Quarto Domingo, Ano A

A comunidade cristã toma como fonte inspiradora o comportamento divino: «Não está sempre a repreender, nem guarda ressentimento. Não nos tratou segundo os nossos pecados, nem nos castigou segundo as nossas culpas». É um salto de qualidade que supera a rigidez da justiça humana e a dureza inflexível da vingança para mergulhar na dinâmica do perdão.
5 de setembro de 2020

Vigésimo Terceiro Domingo, Ano A

O Vigésimo Terceiro Domingo (Ano A) convida a refletir sobre a dinâmica que há de presidir à vida comunitária. Para aprimorar a vida em comunidade e promover a perfeição evangélica, o Mestre propõe a correção fraterna. Eis uma prática a redescobrir!
29 de agosto de 2020

Vigésimo Segundo Domingo, Ano A

Há uma tentação muito forte em ignorar todas as palavras relacionadas com cruz, sacrifício, renúncia, sofrimento, morte. Contudo, elas pertencem ao coração da mensagem cristã.
22 de agosto de 2020

Vigésimo Primeiro Domingo, Ano A

«Vós, quem dizeis que Eu sou?». Esta pergunta, no Vigésimo Primeiro Domingo (Ano A), contém um convite a renovar o encontro pessoal com Jesus Cristo: «Tu és o Messias, o Filho de Deus vivo».
instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share