Caminho

9 de maio de 2020

Quinto Domingo da Páscoa, Ano A

Somos ‘pedras vivas’, mesmo se as nossas estruturas estão de portas fechadas. O mistério e a vida da Igreja não se confinam ao seu espaço físico. Em casa, cada casal que eleva o coração para Deus, cada família que se reúne em nome de Jesus Cristo, formam um ‘templo espiritual’, onde se manifesta a presença do Senhor.
8 de maio de 2020

Corações ao alto

De repente, tudo ficou ainda mais fugaz. Primeiro, obrigados a fugir, a ficar ‘escondidos’ e limitados ao espaço da nossa casa. Estamos perturbados. Queremos uma solução. A nível pessoal e comunitário, não sabemos o caminho. Ainda estamos como Filipe à espera de uma solução mágica ou que outros façam o que nos compete para mudar de rumo em direção a Deus?
7 de maio de 2020

Não se perturbe o vosso coração

Ao sentir a pressão do medo e da incerteza, ficamos perturbados. Será que alguém vai encontrar uma solução? Na procura, podemos cair no erro de ‘ver’ apenas soluções terrenas. Será que temos fé nas palavras de Jesus? Tu continuas a dizer-nos: «Não se perturbe o vosso coração»!
23 de abril de 2020

Os caminhos da vida

O desânimo e a tristeza podem dar lugar ao entusiasmo e à alegria? Sim, mas não temos uma solução mágica. Redescobrir a presença do Ressuscitado permite recordar os acontecimentos e perceber o quanto já «ardia o nosso coração». Deixamos de ser resignados ou revoltados, para viver como ressuscitados. Nunca sozinhos!
4 de janeiro de 2020

Por outro caminho

O Natal completa-se com a chegada a Belém de uns personagens misteriosos que trazem ouro, incenso e mirra: são os ‘Reis’ Magos. Um rei há que ser procurado no palácio da capital, ou seja, a casa de Herodes, em Jerusalém. Enganaram-se. Este Rei dos reis só será encontrado entre os pobres, na ‘menor’ cidade judaica.
14 de dezembro de 2019

As riquezas do caminho

A Renovação Inadiável não pode ser tida como um acontecimento instantâneo ou uma revolução, mas como ‘Caminho de Páscoa’, viagem a percorrer em seis passos (sustentados por doze ferramentas) que jamais podem ser descurados, sob pena de perder as riquezas do caminho, pois são essas as forças aceleradoras da mudança.
10 de dezembro de 2019

Qual é o melhor caminho?

O que está em causa é buscar o melhor para a comunidade (paroquial), vencer a resignação própria daqueles que não têm esperança. Implica considerar todas as vantagens e todos os inconvenientes, sem estar apegado a uma única possibilidade.
9 de novembro de 2019

Renovar todas as coisas

O plano proposto pelo Laboratório da fé está dividido em seis passos, o ‘Caminho de Páscoa’: Participação ativa e criativa; Avaliação sobre a missão; Servir e acolher a todos; Conversão ao Evangelho; Oração e vida espiritual; Alargar os horizontes da missão. Esta formulação tem a particularidade de se iniciar com uma letra da palavra ‘PÁSCOA’.
instagram default popup image round
Follow Me
502k 100k 3 month ago
Share