Reflexões breves

29 de setembro de 2020

Símbolo da fé cristã

Ao proclamar a fé cristã, de acordo com um modelo estabelecido, estamos a reconhecer o vínculo que nos une às gerações que nos precederam e a passar o testemunho às que nos hão de suceder. O «Credo» também se diz ‘símbolo’, porque, ao recitá-lo, ficamos vinculados a todos os que, em qualquer época, assumem o mesmo ‘pacto’ de fé.
26 de setembro de 2020

Alcançar todas as periferias

O futuro da Igreja passa, como deseja o Papa, por apostar no discernimento sobre o caminho, conscientes de que «todos somos convidados a aceitar esta chamada: sair da própria comodidade e ter a coragem de alcançar todas as periferias que precisam da luz do Evangelho».
19 de setembro de 2020

Aonde queremos chegar?

Os processos de renovação bem sucedidos foram capazes de desenvolver uma «imagem do futuro» apelativa e fácil de comunicar. Por isso, uma comunidade que se decide a implementar a transformação espiritual e pastoral (Renovação Inadiável) precisa de definir a ‘sua’ visão pastoral. Sem ela, o fracasso está assegurado!
15 de setembro de 2020

Caminho de santidade

A fidelidade é um dom divino que acompanha todos os homens e mulheres que decidem viver a alegria da perseverança. Em qualquer estado de vida, não são fardo pesado, coisa fora da moda ou teimosias do passado. A fidelidade e a perseverança vivem-se na atualidade com alegria e conjugam-se com criatividade. Este é o nosso, o de todos os cristãos, caminho de santidade.
12 de setembro de 2020

Espiritualidade ecológica

Aos cristãos, o Papa lembra que «a espiritualidade não está desligada do próprio corpo nem da natureza ou das realidades deste mundo, mas vive com elas e nelas, em comunhão com tudo o que nos rodeia» (LS 216). É hora de implementar uma espiritualidade ecológica, de modo que possa emergir, no respeito e cuidado pela Casa Comum, «todas as consequências do encontro com Jesus».
8 de setembro de 2020

Viver a missão com alegria e paixão

A alegria e a ação de graças, nestes tempos conturbados, podem-nos estimular a abrir o nosso coração à esperança, pois sabemos que Deus não abandona os seus filhos. Como diz Maria, Deus estende a sua misericórdia de geração em geração. Cada um de nós, impulsionado pelo Espírito Santo, pode viver a própria missão com esperança, com paixão, com fé generosa, com ardente caridade.
5 de setembro de 2020

A bússola da vida

A caridade é a essência divina (Deus é amor; Deus é misericórdia), está entre as três maiores virtudes, constitui o centro do Evangelho, configura a nossa identidade de batizados e ressuscitados, precisa de ser a bússola que nos orienta em todos os momentos, o rosto dos nossos estilos de vida. Vamos implementar uma ‘cultura da caridade’ que veja mais além das assistências ocasionais ou das campanhas esporádicas de donativos!
1 de setembro de 2020

Responder ao ‘grito’ da terra

«Jubileu pela Terra: novos ritmos, nova esperança» é o tema da edição deste ano de dois mil e vinte do ‘Tempo da Criação’, iniciativa que une cristãos de todo o mundo com o propósito de mostrar como amar a Deus e ao próximo através da Criação. As atividades podem incluir uma missa especial, uma peregrinação, iniciativas de sensibilização e práticas de sustentabilidade que respondam ao ‘grito’ da Terra.