Reflexões breves

17 de agosto de 2019

Testemunho digital

A amizade, o aprofundamento dos laços entre as pessoas, pode ser alimentada através das redes sociais. Sem descuidar o encontro pessoal, o tu a tu, confirmamos as possibilidades próprias do mundo digital. O testemunho é sempre decisivo no processo evangelizador: «também no mundo digital, não pode haver anúncio de uma mensagem sem um testemunho coerente por parte de quem anuncia».
13 de agosto de 2019

Pastoral transformadora

Promover uma pastoral com os jovens com os mesmos atributos: transformadora, de qualidade, inclusiva e equitativa. Isto significa, antes de mais, segundo o pensamento do Papa, evitar a programação e a doutrinação. A renovação passa por acalmar «a ânsia de transmitir uma grande quantidade de conteúdos doutrinais» e procurar, «antes de mais nada, suscitar e enraizar as grandes experiências que sustentam a vida cristã».
10 de agosto de 2019

A importância da lentidão

O ‘turismo lento’ é «um turismo que não se inspira nos cânones do consumismo nem apenas desejoso de acumular experiências, mas capaz de favorecer o encontro entre as pessoas e o território, e de fazer crescer no conhecimento e no respeito mútuo». Um ‘turismo lento’ que aproxime de Deus e promova a vida espiritual, não só do turista, mas de todos os agentes turísticos.
6 de agosto de 2019

Cultura do encontro

À primeira vista, o ritmo mais ajustado é fazer coincidir o ano pastoral (e catequético) com o ano escolar, e iniciar a formação catequética com a entrada no primeiro ciclo do ensino básico. Não estaremos a desperdiçar, nestes meses mais calmos, a oportunidade de experimentar outras variantes que complementem os habituais modelos?
3 de agosto de 2019

A oração e o amor

A família pode ser o primeiro pequeno grupo no qual se pratica o Laboratório da fé e se inicia a Renovação Inadiável da vida paroquial. As duas vias, oração e amor, podem ser a base na qual se sustenta a espiritualidade familiar proposta pela paróquia: partilhar a oração e fazer crescer o amor. Também neste âmbito é prioritário ensinar a rezar e educar para o amor.
27 de julho de 2019

Espiritualidade da pessoa idosa

O Papa Francisco caracteriza uma paróquia saudável pelo «sentido comunitário de gratidão, de apreço e de hospitalidade, que levem o idoso a sentir-se parte viva da sua comunidade». Se a gratidão desaparece torna-se uma comunidade «perversa», sem «alma». Um desafio da Renovação Inadiável prende-se com o aumento significativo das pessoas idosas.
23 de julho de 2019

Aprender a rezar

Entre nós, nas paróquias, talvez seja necessário criar um Ministério da Amizade, um workshop que ensine a estar diante de Deus, para aprender a substituir fórmulas (às vezes, mecanicamente repetidas) por uma conversa entre dois melhores amigos, os íntimos. Santa Teresa de Jesus (Santa Teresa de Ávila) apresentou a oração como «tratar de amizade» com Deus.
20 de julho de 2019

Que procuramos?

Um dos principais desafios para o Laboratório da fé: oferecer percursos espirituais que correspondam às mais diversas formas de procura interior e contribuir para a redescoberta do caminho da fé como encontro pessoal com (o Deus de) Jesus Cristo. Esta há de ser também uma das ocupações das nossas comunidades.