Laboratório da fé

8 de maio de 2020

Corações ao alto

De repente, tudo ficou ainda mais fugaz. Primeiro, obrigados a fugir, a ficar ‘escondidos’ e limitados ao espaço da nossa casa. Estamos perturbados. Queremos uma solução. A nível pessoal e comunitário, não sabemos o caminho. Ainda estamos como Filipe à espera de uma solução mágica ou que outros façam o que nos compete para mudar de rumo em direção a Deus?
7 de maio de 2020

Não se perturbe o vosso coração

Ao sentir a pressão do medo e da incerteza, ficamos perturbados. Será que alguém vai encontrar uma solução? Na procura, podemos cair no erro de ‘ver’ apenas soluções terrenas. Será que temos fé nas palavras de Jesus? Tu continuas a dizer-nos: «Não se perturbe o vosso coração»!
5 de maio de 2020

Caminhos novos

A paragem radical em todas as atividades litúrgicas e pastorais, pode ser favorável à tomada de decisões, ainda que seja útil a prudência quanto à forma de as implementar. Bom princípio é ser sistemático, sem ser drástico. Aceitemos nas possibilidades que este tempo pode proporcionar à nossa vida pessoal e à nossa comunidade (paroquial), no presente e também no próximo futuro.
2 de maio de 2020

Quarto Domingo da Páscoa, Ano A

A Páscoa é a vitória da vida, a vida nova do Ressuscitado, vida abundante que nos enche de paz e de alegria. Jesus Cristo vem para dar a vida e para nos dar a vida. A frase merece ser repetida como refrão: «Eu vim para que as minhas ovelhas tenham vida e a tenham em abundância».
2 de maio de 2020

Trinta e um dias com Maria

Exortados a entrar na ‘casa’ de Maria para partilhar o ‘óleo da fé e da alegria’, contemplamos a esperança que a ilumina. O rosário é também a ‘escola’ de Maria, que nos ensina a contemplar, em várias perspetivas, momentos da vida o Filho de Deus: recordar Cristo com Maria; aprender Cristo de Maria; configurar-se a Cristo com Maria; suplicar a Cristo com Maria; anunciar Cristo com Maria.
1 de maio de 2020

Vida em abundância

A Páscoa é a vitória da vida, a vida nova do Ressuscitado, vida abundante que nos enche de paz e de alegria. Jesus Cristo vem para dar a vida e para nos dar a vida. A frase merece ser repetida como refrão: «Eu vim para que as minhas ovelhas tenham vida e a tenham em abundância».
30 de abril de 2020

Que havemos de fazer?

A vida não voltará a ser a mesma. «Que havemos de fazer?». A pergunta ecoa, entre nós, nesta época pascal. É hora de renovação! É preciso recuperar a «abundância» prometida por Jesus Cristo! Não te contentes com o mínimo, o necessário para (sobre)viver. Deseja, antes, uma vida plena, vida em abundância.
28 de abril de 2020

Uma questão de amor

A vocação é a ‘busca’ do propósito de vida. Para o crente, é ‘chamada’ de Deus: «coloca toda a nossa vida diante de Deus que nos ama, permitindo-nos compreender que nada é fruto dum caos sem sentido, mas, pelo contrário, tudo pode ser inserido num caminho de resposta ao Senhor, que tem um projeto estupendo para nós».
25 de abril de 2020

Como vamos fazer?

A partir do que existe (não a partir do vazio ou do nada, mas a partir do pouco que há) Jesus Cristo toma uma decisão para agir. E ao repartir, o que existe multiplica-se. Até ao ponto de, no final, haver sobras. Que fazer? Deitar fora? Não. Recolhê-las. Podem servir para outros ou para outra ocasião.