Laboratório da fé

14 de agosto de 2020

A cura (espiritual)

A mulher grita sem parar. É a força da sua angústia. O grito, porém, dá lugar à súplica humilde e confiante: «Socorre-me, Senhor». Quando o clamor dá lugar à confiança, a cura pode acontecer, Deus começa a agir no teu coração e na tua vida.
13 de agosto de 2020

Socorre-me, Senhor

Evangelho sem fronteiras: eis um belo slogan para este Vigésimo Domingo (Ano A). A Boa Nova tem um alcance universal, quer chegar a todos os lugares e a todas as situações. O amor de Deus, nem que seja em ‘migalhas’, a todos sacia com abundância.
12 de agosto de 2020

Bem-aventurada

Ao celebrar a solenidade da Assunção da Virgem Santa Maria, a Liturgia da Palavra recorda-nos que Jesus Cristo é o ‘primeiro’: «ressuscitou dos mortos, como primícias dos que morreram». E tudo se esclarece a partir do seu mistério pascal.
11 de agosto de 2020

Avaliação sobre a missão

O reconhecimento humilde das fragilidades «ajuda a centrar no essencial» e a «desprender daquilo que não interessa». O método do exame de consciência aplicado à vida comunitária contribui para perceber que podemos estar dominados por uma força paralisadora que induz «a não mudar, a deixar as coisas como estão, a optar pelo imobilismo e a rigidez e, assim, impedimos que atue o sopro do Espírito Santo».
8 de agosto de 2020

Décimo Nono Domingo, Ano A

Como conciliar a confiança com as situações de provação próprias desta experiência terrena? O Décimo Nono Domingo (Ano A) indica-nos que é preciso estar atento para reconhecer que, no meio das tempestades, Jesus Cristo está presente e tem sempre a mão estendida.
8 de agosto de 2020

Cuidado da Casa Comum

O Jubileu pela Terra pretende concretizar sete anos de conversão ecológica, tendo como base os seguintes objetivos: resposta ao clamor da terra; resposta ao clamor dos pobres; economia ecológica; adoção de estilos de vida simples; educação ecológica; espiritualidade ecológica; ênfase no envolvimento da comunidade e na ação participativa.
7 de agosto de 2020

Atravessar o sofrimento

Fugir do sofrimento não resolve a vida. Quando nos decidimos atravessá-lo com confiança, conseguimos mergulhar cada vez mais profundamente no oceano da nossa existência e perceber a mão estendida do Senhor. Precisamos de atravessar as dores com a nossa mão bem presa à mão do Senhor. Sairemos da tempestade ainda mais fortes.
6 de agosto de 2020

Tende confiança

Como reconhecer os sinais de Deus? Como conciliar a confiança com as situações de provação próprias desta experiência terrena? O Décimo Nono Domingo (Ano A) indica-nos que é preciso estar atento para reconhecer que, no meio das tempestades, Jesus Cristo está presente e tem sempre a mão estendida: «Tende confiança. [...] Não temais».
4 de agosto de 2020

A mesa e a missa

A missa é um aspeto essencial da refeição eucarística: não é para ficar sentado, mas para sair ao encontro dos outros e lhes anunciar a mesma boa nova vivida ao redor da mesa. Vivemos dentro da eucaristia o que queremos levar pelo mundo fora. O amor entre nós, cristãos, é para ser testemunhado a todos, em todos os lugares e circunstâncias. A mesa da eucaristia exprime a fraternidade universal.