Laboratório da fé

26 de dezembro de 2020

Deus acampou entre nós

O primeiro olhar pode ser o início de um grande amor. Onde há amor, há um olhar! Sem dúvida que o modo como olhamos condiciona os pensamentos, influencia a qualidade da nossa vida. O Natal é a festa do humano. Do humano, mas a partir do olhar de Deus. Deus olha a partir daqueles que nos parecem menos humanos, aqueles e aquelas a quem tantas vezes excluímos da festa da humanidade.
26 de dezembro de 2020

Acreditou no Senhor

Fé, fidelidade, confiança: três palavras com raiz e significados semelhantes. Uma atitude presente nos textos bíblicos, tanto como propriedade divina, como característica humana do crente. Abraão acredita e espera; Deus promete e cumpre. Maria e a José são plenamente disponíveis à ação da graça divina.
26 de dezembro de 2020

A cultura do cuidado

A ‘gramática’ do cuidado organiza-se em quatro princípios, em sintonia com a Doutrina Social da Igreja e o serviço de caridade vivido na prática multissecular das obras de misericórdia corporais e espirituais: «a promoção da dignidade de toda a pessoa humana, a solidariedade com os pobres e indefesos, a solicitude pelo bem comum e a salvaguarda da criação».
24 de dezembro de 2020

Encontro

A missão de Jesus Cristo ilumina e renova a nossa missão. Há um intercâmbio: «Deus fez-se homem para que o homem se faça Deus. Cristo nasce para que eu nasça. O nascimento de Jesus requer o meu nascimento, que eu nasça diferente e novo, que eu nasça com o Espírito de Deus dentro de mim».
24 de dezembro de 2020

Eis que vem o teu Salvador

É Natal! Celebramos a concretização de todas as promessas. Celebramos o Deus que se faz carne humana para ficar sempre connosco. Celebramos a revelação divina a todos os povos, a começar pelos mais simples e marginalizados. Deus quer viver entre nós e contagia-nos com o seu amor.
22 de dezembro de 2020

A noite que é amanhecer

A noite de Natal une o humano com o divino, une o divino com o humano. Numa só pessoa. Ao unir o divino com o humano, une-nos uns aos outros. Ao fazer-se carne, Deus diz-nos que a nossa condição humana é dom maravilhoso. Deus revela o rosto oculto do seu ser: graça, amor, misericórdia, comunhão.
19 de dezembro de 2020

Quarto Domingo de Advento, Ano B

Este é o domingo da disponibilidade. Deus vem ao encontro do humano, vem ao teu encontro. Ao longo da história, Deus sempre procurou e continua a procurar corações disponíveis. Estás disponível para acolher o Salvador, Jesus Cristo?
19 de dezembro de 2020

Custodiar o mistério da vida

A cada um de nós compete ir além da simples representação. O essencial é ser capaz de acolher o Menino Jesus em cada ser humano, sobretudo nos pobres e marginalizados da sociedade. A Escritura, logo no início, evoca a criação do ser humano à imagem e semelhança de Deus. Trazemos em nós um mistério maior que faz possível que o próprio Deus se torne um de nós!
18 de dezembro de 2020

Escutar a Palavra

A história bíblica revela que somos criados pela Palavra e não nos podemos compreender, nem perceber a nossa missão, sem o diálogo com Deus. É uma conversa serena e cordial. Nestes últimos dias do Advento, abre o teu coração à Palavra, para que Deus penetre profundamente na tua vida!